Tag: Conhecendo Novos Blogs

A lindíssima e queridíssima Anna Costa me marcou na tag Conhecendo Novos Blogs - e é de conhecimento geral que eu amo responder tags ♥
De antemão eu já sugiro que visite o blog pessoal da Anna. Ela escreve sobre tudo um pouco - de minimalismo a literatura - e compartilho muitas de suas ideias. Um daqueles blogs que dá gosto de acompanhar, sabe?


Essa tag consiste em:
-Responder as perguntas realizadas por quem te nomeou;
-Criar 10 diferentes perguntas para os blogs que você pretende nomear;
-Marcar de 3 a 10 pessoas para responder a essas perguntas, e claro avisá-los da nomeação.

Vamos lá!


Qual o seu maior medo?
Acho que é perceber que as coisas com as quais gasto meu tempo não me acrescentam nada. Sabe a sensação de estar vendo a vida passar diante dos olhos sem aproveitar um segundo sequer, no automático? Tenho tido. Isso me amedronta.
Fora isso, o clichê de perder quem amo funciona comigo. Não por medo da morte, mas por medo da saudade.


Você ouve música bem alto ou num nível mais tranquilo?
Depende do meu humor. Se eu quero fugir dos meus pensamentos ou extravasar, coloco a música 'no talo' - se eu estou com a mente tranquila ou realmente quero aproveitar a música, prefiro ouvir numa altura ambiente.


Qual o último livro que você leu?
Reli A Ilha do Tesouro de Robert Louis Stevenson. Comecei logo após fazer uma postagem aqui falando sobre a série Black Sails. Fora esse, comecei a ler A Bíblia dos Cristais, de Judy Hall, mas ainda não dei continuidade.




Sua auto-estima é alta ou baixa?
Diria que minha auto-estima é ok. Já tive meus momentos de baixíssima auto-estima mas, atualmente, até que me gosto.


O que você faria se ganhasse na loteria?
Meu sonho é montar um abrigo para animais de rua... um lugar onde pudessem receber carinho, cuidados de especialistas e onde pudessem ser bem tratados. Sei que não é necessário ter tanto dinheiro pra isso, mas queria ter a certeza de que não os faltaria nada e de que eu poderia salvar quantos animais passassem pelo meu caminho.
Fora isso, viajaria o mundo! Especialmente o Quênia, a Tanzânia e o Egito, que são os lugares dos meus sonhos.


O que te tira do sério?
As pessoas, no geral, tem esse dom. Muitas máscaras e pouca empatia.
Talvez por isso seja raro eu criar intimidade com alguém. Sempre dou preferência a relações superficiais e, em contrapartida, tento evitar que me escapem as pessoas queridas.


Qual sua memória favorita?
O céu da Bahia.
Costumávamos nos sentar nas calçadas da rua, junto aos vizinhos, para bater papo nas noites de calor. Enquanto meus familiares conversavam, eu brincava com as crianças do bairro sob a luz do luar, perto de nossos cuidadores. Aquele céu, todas aquelas estrelas... ♥  Nunca mais pude ver um céu como aquele.


Graças à nossa querida poluição e ao excesso de luminosidade, minha câmera vê mais estrelas que eu.


Você faz alguma coisa esquisita quando está sozinha?
Converso sozinha e com os objetos ao redor. Nem acho tão esquisito assim rs


O que você veste pra dormir?
Nada no calor e moletom no frio.


Qual seu maior desejo no momento?
Conseguir logo minha independência financeira e me mudar de São Paulo, em busca de um céu parecido com o da minha infância. Não necessariamente nessa ordem.


Bom, essas foram as perguntas. Adorei todas e algumas me fizeram pensar bastante!
Muito obrigada pela lembrança, Anna ♥
Como sempre, não marcarei ninguém (e, portanto, não farei as perguntas). Adoro responder tags mas sempre evito repassá-las.

Espero que tenham gostado de me conhecer um tantinho mais.
Beijos grandes e até a próxima postagem!


Me sigam nas redes sociais:

12 comentários:

  1. Nossa, meu medo e exatamente o mesmo, não gosto de deixar a vida passar sem aproveitar- la.. Saiba que lhe adoro muito,mesmo.. Que Mochlath e Lilith lhe guie, você é uma rainha, e este é seu império.

    ResponderExcluir
  2. É um absurdo o quanto temos em comum! Pra começar, algumas respostas parecidas e depois, a primeira pergunta, e do sonho compartilhamos desde sempre né San! <3 sobre os animaizinhos, eu ainda tenho esse sonho, não pela loteria, mas sei lá, se eu não tiver a quem "repassar" minha pouca herança e chegar a acumular algo algum dia, com certeza já sabem para onde irão!
    Beijos linda.

    ResponderExcluir
  3. Adorei as perguntas e respostas, achei emocionante, pois em partes sem como se sente, quando criancinha, tenho saudades da inocência e das terras e luar de minas, lembro-me que o céu era repleto de estrela pois conseguia enchergar, nunca fui muito de sair mas deitava a noite perto de um pé de goiaba que tinha e observava a lua diariamente, hoje faço isto mas não é a mesma coisa, me firmei são Paulo mas tenho muita saudade da terra simples de minas e da inocência, onde não tinha muitos olhos ao mundo e as pessoas, apenas vivia com brincando, fez me reviver isto novamente, beijos, amo seu blog (acho que já até falei isto ashuashua)

    ResponderExcluir
  4. Faz tempo que não passo aqui, e é sempre bom conhecer você mais um pouco.

    Beijos e muito sucesso.

    ResponderExcluir
  5. Eu também tenho medo de deixar a vida passar, sabe aquela sensação de estar sobrevivendo e não vivendo? Eu gostaria de conseguir a minha independência financeira sem ter que me mudar da minha cidade, eu gosto dos campos do interior.
    Bj

    ResponderExcluir
  6. Ai San, finalmente pude ler suas respostas, vi o post antes do blog ficar off, mas não conseguir abrir huehuehu ... Vem pra Minas, o céu aqui é lindíssimo :3 e que bom que pelo menos o blog tá de novo no ar, espero que permaneça, fiquei com muita saudade do seus conteúdos <3
    bjão sua linda!
    http://eccentric-beauty.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Fiquei contente que você voltou!!! E sobre o céu da Bahia, realmente, é perfeito. Quando eu viajava pra lá (minha família é de lá também) eu passava horas e horas na rua só aproveitando a paisagem maravilhosa que muita gente por lá nem nota, porque faz parte do dia dia mas a gente que mora arrodeando de concreto, ver e sentir o cheiro da natureza é quase um milagre kkkk

    E sobre a primeira questão. Isso é muito eu. Eu acordo já pensando: "nossa, mais um dia se foi"... Gosto de aproveitar todos os dias, o máximo que eu puder, mesmo que seja uma simples conversa por exemplo.

    Adorei a tag. :]
    Beijos!

    Madessy.com

    ResponderExcluir
  8. Sandila, que bom que seu blog voltou! Muita luz e sorte nessa nova fase, que vc volte com tudo! Graças a um outro post seu conheci a série Black Sails que vc mencionou aqui tmb e pela deusa... Obrigada por isso, minha vida não é a mesma depois dessa série hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A série é linda... mais que demais... ahehaheha
      Feliz demais que tenha gostado, linda! É sensacional, né? Eu que agradeço esse carinho todo!

      Excluir
  9. Aeeeeeeeeeee, de volta na área. Até que enfim, San. Senti falta do Nox et Lux, confesso que tomei um susto quando visitei e percebi que estava fora do ar #cry.

    Me identifiquei com várias respostas, especialmente a do vazio. Se foi isso que te levou a dar uma pausa, espero que as respostas de suas reflexões te impulsionem para uma fase mais feliz. Que venham novos projetos e assim, mais coisas relevantes para evitar que sinta essa angústia de novo. Nem sei por que estou tentando aconselhar sobre a mesma bad que de vez em quando eu passo (AHAHHAHAH), mas às vezes a motivação vem de nós mesmos. Você, que é super querida e amada na blogosfera, tem motivos de sobra de seguir em frente e deixar essa autoestima melhor do que ok, viu? Cê é linda, meu. E uma pessoa absolutamente adorável.

    Siga em frente se jogando sem medo, você vai longe!

    Mil beijos com carinho, muah muah ;***

    ResponderExcluir
  10. Quando você parou de postar me deu uma tristeza, pois sei lá, é absurdo como a gente se apega a certas coisas, pessoas, fatos, mesmo que só existam diante da tela de um computador! Eu gosto da ideia que faço de você, falo assim por não te conhecer pessoalmente, entretanto você cativa mesmo sem que pareça ser seu intuito.

    folhaderosa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Também gosto imensamente de responder tags em meu blog,e me identifiquei muito com as suas respostas,principalmente com a primeira. Vivo tendo crises internas comigo mesma por conta de estar tentado e gastando tempo com coisas que não resultando nada enquanto a vida está passando diante de mim. E em 2016 o que eu mais quero é alcançar a minha independência financeira,porque não há nada pior nesse mundo do que depender dos outros.

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados para que eu não deixe passar nenhum sem ser lido. Se for criticar, critique com respeito :)